Blog

Blog

A Honra e a Dignidade no Exercício da Profissão de Farmacêutico

15/12/2016

 

 

Vamos fazer uma pausa para o café ☕ e conversar um pouco sobre a aplicação do Código de Ética Farmacêutica? ☕

 

O Farmacêutico deve exercer a profissão com honra e dignidade, devendo dispor de condições de trabalho e receber justa remuneração por seus desempenho.” – Código de Ética Farmacêutica, Resolução CFF 596/14, Art. 6º.

 

Este artigo nos permite discutir vários aspectos relacionados a nossa atuação. Alguns beeeem polêmicos...

 

Procure observar primeiro as palavras HONRA e DIGNIDADE. Observe não sobre o que o “outro” te proporciona, mas no tocante a VOCÊ mesmo. O seu desempenho, a sua postura, o seu posicionamento profissional... Suas ações e suas palavras refletem o que buscamos quanto a honra e dignidade para a profissão?

 

Por que levantei essas perguntas?! Vejo muitos colegas que reclamam da profissão. E acho válido levantar os pontos críticos e BUSCAR melhorias contínuas para a profissão. Sim, só reclamar e depreciar a profissão que VOCÊ escolheu não contribui em nada com ela. Alguns reclamam na ‘esperança’ que alguém faça algo. Que alguém transforme o SEU dia a dia na atuação profissional. Precisamos contar com o apoio de nossos Conselhos, mas e o nosso papel? A SUA responsabilidade individual que contribui com o todo?

 

Muitos colegas começam a trabalhar em farmácias e drogarias, mas não é o que realmente queriam. Alguns por não ter perfil para atuação nesta área, e ter melhor afinidade com outras tantas possíveis, mas foi a “oportunidade” que surgiu inicialmente. Outros insatisfeitos por não conhecer direito esta área de atuação. E se tem tanta gente falando que é a ‘pior área’, acabam simplesmente aceitando isso como verdade. 😰

 

Assim como em qualquer área de atuação, na Farmácia ou em outra profissão, a adaptação ao local de trabalho depende de inúmeros fatores externos e internos. Tem pessoas que não suportam trabalhar em determinada farmácia, outros amam. Fatores como suas expectativas, suas crenças, sua disponibilidade para ajudar o próximo, facilidade de interagir com outras pessoas (clientes e equipe), afinidade com as histórias de vida das pessoas com quem vai trabalhar, suas habilidades, etc. Tudo isso influencia diretamente se você vai se adaptar ou não em uma área de atuação e mais especificamente em um local.

 

Não é porque o outro não gosta dessa área que eu também não posso gostar. E o contrário também se aplica. Busque dentro de VOCÊ qual é a sua MISSÃO de vida. O que você realmente gosta de fazer? Como aplicar isso no seu cotidiano? Acredite! De alguma forma isso é possível. 🙏

 

Também já vi muitos comentários e atitudes que não contribuem com a ‘honra e dignidade’ da profissão. Exemplos? Os “assinacêuticos” que existem até hoje! Ainda falam “mas lá não vende controlados’. Como se somente a venda de medicamentos controlados precisasse do Farmacêutico. Quando me falam isso... Respiro fundo e questiono, vende Paracetamol? Porque é um dos maaaais básicos... Pois é, também mata! Para chocar mesmo! Desculpe, mas não consigo pegar leve com esse tipo de atitude... Alguém ofereceu para ele esta “oportunidade”, mas a responsabilidade por ter aceitado foi exclusivamente dele. Outro exemplo são dos que acham ser uma área de atuação com menos ‘responsabilidades’. E “passam o tempo até encontrar uma outra oportunidade” restringindo-se praticamente a só cumprir carga horária. Pode não ser o seu emprego dos sonhos, mas nunca deixe de atuar 100% comprometido com a sua profissão. E isto significa não apenas observar e aplicar as normas trabalhistas, sanitárias e profissionais, mas prestar o melhor atendimento aos seus clientes, o melhor suporte a sua equipe. Assim você contribui não apenas com o seu desenvolvimento, porque o conhecimento que você ganha ninguém o tira, mas principalmente com a profissão.

 

Uma breve história... Em 2000 estava na drogaria atendendo no balcão no meu plantão que ia até as 22h. E uma menina com seus 19-20 anos resolve comentar: Acho que vou fazer Farmácia, porque é mole trabalhar em drogaria. 😡 Ahhhhhh! Quem me conhece sabe que eu tenho que contar até 1000 nessas situações. Graaaaças... eu estava num dia calmo! Claro que a vontade era de soltar aquele “Como é que é?”. Respirei fundo e resolvi de outra forma... Ah, você está pensando em fazer Farmácia? Que ótimo! Apesar da relação candidato vaga não ser tão alta, é um dos cursos mais difíceis que tem. E você se engana em achar que se trabalha pouco. Eu trabalho e muito! São quase 22h e estou aqui para atender meus clientes.Tem aqueles que trabalham pouco, mas também não chegam em lugar nenhum. Boa sorte! Espero encontrá-la como colega de profissão. Ela só comentou sem graaaaça "é ainda estou escolhendo o curso... obrigada!" Entendi que ela queria puxar assunto, mas foi extremamente deselegante em sua colocação. Eu não poderia retribuir na mesma moeda, porque só estaria dando mais fundamentos para o "entendimento dela" do Farmacêutico.

 

Quantas vezes eu escutei, ‘farmacêutico não faz nada’. E em resposta, "qual farmacêutico?” O problema é justamente ainda não termos nossa individualidade, se um faz ou deixa de fazer reflete em todos. E conforme eu trabalhava os comentários mudavam para ‘o outro farmacêutico (antes de mim) não fazia isso ou aquilo”... O que buscava e busco não são aplausos. Quando me comprometo a fazer qualquer trabalho procuro entregar o melhor possível, porque é assim que meu trabalho será reconhecido e valorizado. Em drogaria sempre se tem algo para fazer. Sempre! Independente do tamanho do estabelecimento e do fluxo de clientes. É atuando efetivamente como Farmacêutico que você contribui com a honra e dignidade da profissão.

 

🚩E quando se trata de CONDIÇÕES DE TRABALHO E JUSTA REMUNERAÇÃO POR SEU TRABALHO? Isso não depende de mim? 
👉 Quem disse!... Vamos desmistificar alguns fatos...

 

O local em que você trabalha não oferece condições ideais de trabalho. Ideal e realidade podem ser coisas beeeem diferentes. o próprio conceito de IDEAL é diferente para cada um.

 

O que realmente compromete a sua atuação profissional? Claro que o ideal seria o Farmacêutico ter sua sala para atendimento, realizar os procedimentos de controle... E isto não é utopia. Muitas farmácias estão criando os consultórios farmacêuticos. E você precisa estar preparado para isso!

 

Sabemos que a grande realidade é que não tem um espaço reservado para nós. Três pontos para você avaliar
1- Onde mais se aprende em uma drogaria? No meu entendimento é no balcão, no salão da loja. É ali que há a interação com pacientes/clientes. Você aprende a resolver as mais diversas situações. Aprende a resolver problemas de dispensação, de prescrição, de uso abusivo, etc. É ali que você interage com sua equipe, que os orienta, que detecta pontos frágeis que precisam ser trabalhados com treinamentos. E eles vão se sentir cada vez mais seguros com você por perto.
2- Se o paciente não te vê, porque você não está no salão, como ele vai entender a sua importância na drogaria? Se ele não interagir espontaneamente com você, como vai reconhecer o quanto você pode ser um diferencial na sua saúde, qualidade de vida, bem estar? Quantas vezes o cliente te vê no balcão e ‘lembra’ que tem uma dúvida? Quantas vezes você identificou que aquele cliente estava com alguma dúvida e ele não perguntou por vergonha, e você pode ajudá-lo? Isso é muito mais frequente do que você imagina!
3- Tem locais de trabalho que realmente... são péssimos. Pergunto: o que está te prendendo aí? Você não foi OBRIGADO a trabalhar neste lugar. Pode ter sido um momento em que você precisava desesperadamente de um emprego, quer dizer de um pagamento... Cada um sabe aonde o bolso aperta. Mas foi naquele momento. Por que você continua? Uma coisa é você observar que o empresário está mudando aos poucos e se adequando. Outra é não ver a menor possibilidade de mudança. Então... Mude!

 

🚩 Aaaaah mas sobre RECEBER JUSTA REMUNERAÇÃO depende do empregador e não de mim?
👉 Quem disse?... Não é para ser polêmica rsrs É apenas um olhar diferente. Que coloca você como o responsável pelas suas escolhas.


Quem emprega, aqui ou em qualquer parte do mundo, pode oferecer qualquer coisa... Quem aceita ou não é VOCÊ. 


Não vou nem entrar a fundo na questão do piso salarial. Porque piso é definido pelos Sindicatos de Farmacêuticos de cada região, e não pelos Conselhos. E estamos conversando sobre Código de Ética, que é do CFF. Cabe aos Conselhos não aceitar registro de Farmacêuticos com valores abaixo do piso em sua Carteira (CTPS) ou contrato de trabalho.

 

Quando você recebe uma proposta de emprego, o que você avalia? Que informações você recebe sobre a empresa, condições de trabalho, regras... Como você vai se comprometer - porque assinar um contrato de trabalho é se comprometer – sabendo apenas que a farmácia fica a 3 quadras da sua casa... Você tem todo o direito de saber o que é realmente oferecido. Você é quem decide se aquela oportunidade atende ou não suas expectativas.

 

E a 'oportunidade' é muito mais do que somente o salário. Quais os benefícios? Oferece plano de saúde? Plano odontológico? Desconto farmácia? Desconto em cursos? Oferece treinamentos? Possibilidade de crescimento? Os benefícios normalmente são maiores em redes, porque como possuem um número total de funcionários muito maior que uma farmácia independente, conseguem negociar outros benefícios. Direitos previstos na CLT não são adicionais ou benefícios! Outro dia vi um post de 'oferta de emprego’ que estava descrito nos “benefícios” o repouso remunerado. Isso é obrigatório e não opcional para o empregador. Eu particularmente pensei, se ele oferece algo que é obrigatório como se fosse um diferencial, não pode trabalhar sério... Ou quem produziu o post não foi devidamente orientado...

 

É muito individual a análise do que é bom ou não, como os valores agregados, benefícios, suporte... Só VOCÊ pode saber o que realmente conta na 👉 SUA decisão 👈

 

👉 E se as coisas não são bem como te apresentaram na entrevista de emprego?! A decisão continua sendo SUA. Os problemas podem ser resolvidos? Se for possível, ótimo. E quando não é possível? Se você já tentou e constatou que realmente nada será feito... Mude! Tem situações que competem exclusivamente a VOCÊ. O que é possível você se adaptar? O que é possível você transformar? O que não é possível? É você que vai pesar esses pontos.

 

📌 Apenas para você refletir e em breve vamos conversar mais sobre o assunto:
Quem disse que você é obrigado a trabalhar para alguém, para uma empresa, para uma instituição?... Reflita...

 

➡ Qual é o seu status? 👀

( ) Feliz! 
( ) Infeliz! 
( ) Futuro profissional em construção! 

Independente da resposta tenha em mente agora, que suas ações, suas palavras, seu comportamento contribuem de alguma forma para a honra e dignidade da profissão Farmacêutica. Cabe a você escolher de qual ‘lado da força’ estará! 😉

 

[ COMENTE ] o que você achou desse conteúdo? Deixe seus COMENTÁRIOS neste post. 


Minha missão até aqui é te ajudar a encontrar um caminho profissional. Quando comecei a trabalhar em drogaria não tive nenhum suporte. Foi realmente algo bem difícil. É só você se imaginar sem um computador, celular, Google, app de mensagem ou redes sociais para tirar dúvidas, pesquisar... Hoje tenho uma visão renovada sobre o Farmacêutico, muitas histórias e conhecimento que venho acumulando por esses quase 18 anos de formada, 12 de supervisão farmacêutica que se entrelaçam com outros quase 6 como palestrante e consultora. O que quero é que não seja tão difícil para você. E que juntos possamos contribuir para dias melhores!

 

Espero que tenha gostado! 😉

 

Pausa para o café ☕, vamos falar de Ética! Este é o nosso encontro toda quinta-feira as 17h na Fanpage. Neste encontro conversaremos sobre pontos importantes para a atuação Ética do profissional Farmacêutico. Minha missão aqui é descomplicar o entendimento das normas profissionais e lembrar aqueles pontos que muuuitas vezes esquecemos no dia a dia.

Boooa tarde! Agora... vamos voltar ao trabalho 😉

 

Abraços,

Isabel Schittini‬ 

 

Please reload

"Minha missão é descomplicar sua atuação como Farmacêutico em Farmácias e Drogarias."

Isabel Schittini

Novidades
Please reload

Você já faz parte?

Faça parte da minha Lista e receba Gratuitamente conteúdos, agenda de cursos, eventos e muito mais para descomplicar Sua atuação em Farmácias e Drogarias
CADASTRE-SE AQUI :
Seu e-mail está seguro. 100% Livre de spam
Posts Relacionados
Please reload

Minha missão é descomplicar sua atuação como Farmacêutico em Farmácias e Drogarias

FARMACÊUTICA

Consultora e Palestrante

CRF 6.889/RJ

isabel-schittini-4-farma-curso-consultoria-farmaceutica

HOME

SERVIÇOS

FAQ

CONTATO

TOPO

CNPJ 26.127.387/0001-35

Rio de Janeiro, Brasil 

55 (21) 99147-4181

© 2016-2019 Feito por Isabel Schittini. Todos os direitos reservados.

Criado orgulhosamente com Wix.com

  • facebook
  • instagram
  • twitter
  • whatsapp
  • linkedin
  • soundcloud